Feeds:
Posts
Comments

Talvez você se enrole na hora de definir suas permissões. Talvez você nem entenda o que raios são aqueles números que você coloca para ter permissões.

Vamos então dá uma rápida olhada em como elas funcionam:


# Há exatamente três colunas nas quais você pode restringir permissões:
# Owner - Group - All Users
rwx rwx rwx = 111 111 111
rw- rw- rw- = 110 110 110
rwx --- --- = 111 000 000

# cada flag setada corresponde a um bit setado para 1 ou zero caso contrário.
# se lermos cada coluna separada em binário teremos
rwx = 111 in binary = 7
rw- = 110 in binary = 6
r-x = 101 in binary = 5
r-- = 100 in binary = 4

# Assim:
- 777 = 111 111 111 = rwx rwx rwx
- 644 = 110 100 100 = rw- r-- r--
- 755 = 111 101 101 = rwx r-x r-x
# e assim por diante...
# Simples, não é?!
# Você pode ler mais sobre o assunto nas referências [1] :)!

Referências:
[1] http://linuxcommand.org/lts0070.php

TODO list command

I often have to track my tasks in a day, week, month, and so on. The way I was doing this was to type in file what I should to do. But I always want to use a more simple and practical way. Because that I just implemented this ‘td’ command to solve my problems in tracking tasks :). Hope it’s also good for you.

Just take a look in my github for get it: https://github.com/kirotawa/td

What is it?

– td is an acronym for TODO that aims to provide a way using just
command line for keep a track of activities/todo things.

Usage:

Usage: td [-h] [-a] [-d DESC] [-S {started,finished,canceled}] [-s START]
[-e END] [-D] [-i ID] [-p {normal,medium,high}] [--debug] [-v]
[--getd] [--up-status] [--up-end] [--up-priority]
[--list | -ls | -le | -lp | -lS]

optional arguments:
-h, --help show this help message and exit
-a, --add adds a todo into list
-d DESC, --desc DESC sets a description
-S {started,finished,canceled}, --status {started,finished,canceled}
sets todo status
-s START, --start START sets a start date
-e END, --end END sets a end date=d/m/Y format
-D, --delete delete a give todo by id
-i ID, --id ID pass a id to other options
-p {normal,medium,high}, --priority {normal,medium,high}
sets a priority
--debug provides debug info
-v, --version provies current version
--getd get full description of todo by id
--up-status update status given a id
--up-end update end date given a id
--up-priority update priority given a id
--list list everything todo by id
-ls, --lstart list by start date
-le, --lend list by end date
-lp, --lprio list by priority
-lS, --lstatus list by status

These days I had a couple of interviews in a company. First the technical one, a problem that I had to solve in three days. After a chatting with persons from the company; another chatting with tech guys; an attempt to do pair programming; and a last one talking with a leader.

As you see, many steps to get an offer. Well, they did offer me anything. It’s OK. But while it’s okay what bother is that feedback from companies today aren’t clear. Seems all the companies have an agreement where they say the same bullshit all the time.

“Sorry, you seems to be great…blah blah blah…but…”

You never get a real feedback and that is annoying. I wonder how someone can improve their skills, the way he/she does interviews, be better, etc. If  no one never says what is/are your negative points.

Let’s just imagine that you go to the doctor and there he says “Well, you have a terrible disease, let’s start some treatment” and these are the only things he says. How the heck you will understand the issues you have? How the heck you can deal with this in a properly way? That’s is the same when these companies says their empty meaning feedback email. They say something that mean nothing.

It would be really cool if companies start to act in a more honest way. “hey, you were good in tech, nice solution, etc…but we just didn’t like how you interact in our pair programming. Maybe you can improve this for next interviews in your career” or just ” hey you were good in tech one, but we just didn’t like how you look like in the webcam, sorry, look for a new hairstylist” – You know, last is a joke, but I really would like to have a honest and REAL feedback sometimes, instead this bot bullshit they send.

EDITED: I was just thinking for a moment, what if human race had not seen its mistakes and try to do better? Well we, for sure, would not have evolved. Said that, Companies, be a Darwinist one giving feedback don’t be a creationist one. I don’t want to wait for a god to say me what I’m doing wrong. import this in Python and take this line for you “Explicit is better than implicit.”. If you want people get better and not only use their six sense to guess what was the issue – of course, when it’s not obvious – please, start to act doing a straight feedback! –  Thank you!

AES is the most important algorithm used today for crypto. You may not see it, but it is everywhere.

For those that need to understand in a quick overview AES this image is for you :)

aesflow

References:

[1] EXPANDkey image

[2] AES shiftrows

[3] AES Subbytes

[4] AES MixColumns 

GDB, aquela ferramenta mágica dos tempos da graduação. Onde os bugs apareciam exatamente no dia de entregar os trabalhos. Só ele ajudava a salvar nas horas de desespero.

Descreveria o GDB da seguinte forma:

GDB, ferramenta mágica vinda do reino dos Gnus. Usada para debugar além do alcance. Isso mesmo, a espada do Lion foi forjada em GDB. Capaz de te mostrar todos os detalhes do seu programa/executável. O Neo? Ele enxergava tudo em GDB.

Então, você achava que o GDB e o Valgrind eram tudo na vida, até se deperar com o –tui. O tui ou Text User Interface, é, como o nome já diz, uma ferramente que auxília na visualização em texto do seu código em modo debug via gdb. Com ele você pode acompanhar no seu código step by step e até mesmo visualizar multiplas janelas, uma com o código em C e outra em ASM com direito a endereçamento de memória, opcode e tudo que você tem direito.

Como usar? Simples: gdb -tui

gdbtuiCom o comando acima, apenas duas janelas irão aparecer. A do código em C e o shell do gdb. Para abrir a janela que mostra o código em asm: <C-R>+x+2. Para navegar entre janelas <C-R>+x+o (onde <C-R> lê-se Control).

Quer saber mais sobre gdb.

Em todos esses anos trabalhando com TI o padrão continua o mesmo. Existem inúmeras vagas para área e poucas são preenchidas. Também, o quão inúmeras são as vagas são as exigências para preenchê-las. Isso está errado? Não, de  modo algum. É natural que em um mercado onde as coisas tem de ser feitas ontem a experiência e o modelo faz tudo seja o mais procurado. Contudo, embora natural, isso tudo irrita, não apenas a mim, mais muitos outros. Não se valoriza a formação de skills nas empresas hoje dia, querem que tudo já venha pronto e se possível de berço…mas enfim.

O ponto deste post é muito mais sobre essa falha grotesca que algumas empresas, grandes, pequenas, etc, têm. Essa falha em não dar feedback após uma entrevista. Hoje em dia é comum ouvir um “te ligaremos caso você tenha chamado nossa atenção” ou “alguém irá entrar em contato com você caso tenha nos interessado”. É quase um “Somos bons demais pra te dar um feedback justo, curve-se a nós e pensaremos em seu caso”.  Ouvir um não é algo absolutamente comum na vida, não ouvir nada do outro lado é que não ajuda nem educa. De qua adianta passar por um processo longo ou um rápido em uma entrevista se não há feedbacks para que você possa melhorar e se enquadrar melhor no mercado? Como as pessoas poderão se corrigir, aperfeiçoar sem um simples feedback justo?

No lugar do feedback algumas empresas optam por deixar os candidatos no vácuo eterno, esperando ou com razão, já sem esperanças. Algum tempo atrás eu tive até mesmo que enviar três emails seguidos para uma empresa pedindo um feedback. Passei alguns preciosos minutos da minha vida resolvendo um problema e questões pautadas por eles e quanto ao meu feedback *cri cri cri* absolutamente nada. Até hoje espero resposta para o meu último email enviado (claro que nunca terei. Tão pouco incentivarei algum amigo a tentar algo lá).

Não dá feedbacks não é apenas algo que irrita, é algo que não educa e além de não educar, é algo que passa uma péssima impressão da empresa e do sistema de entrevista/contratação. Então, o que dá pra inferir daí? Pra mim, se uma empresa é tão desorganizada no processo de contratação, se ela não te dá feedbacks, então amigo, fuja dela! Porque se antes de entrar é assim, imagina lá dentro.

WebJynx

When you need to deal often with backports is always necessary to see commit shas, but also to know what has into patch from each commit sha found. Doing this in git is doable, but sometimes painful.

What about to have a tool, simple one, as WebJynx ? Imagine you can now just search for a file into your git project. This tool list all commit log for that file. In a tooltip or alt image you can see a short history of this patch and in the right side you can see patch itself.

Yeah. That is what WebJynx do!

It was code in Python+Django. Using also some Jquery and other JS tools.
Take a look:

webjynx

Follow

Get every new post delivered to your Inbox.